O Curso de Odontologia

O Curso de Graduação em Odontologia, foi autorizado pela Portaria número 130 de 02 de maio de 2016, publicada no DOU no dia 03 de maio de 2016.
O curso é Bacharelado em Odontologia, com duração de 4.400 horas, durante 5 anos de curso, nos turnos da manhã ou da noite. O Curso de Graduação em Odontologia da IES é concebido com base em diretrizes e princípios pedagógicos com uma fundamentação humanista com predomínio da ética democrática, dignidade humana. justiça, respeito mútuo, participação, responsabilidade, diálogo e solidariedade; a fim de formar profissionais cidadãos, socialmente sensíveis para solucionar problemas com critério reflexivo e preventivo prevalentes na região e de atuar em programas de interesse nacional.

Nesse sentido, a formação tem por objetivo dotar os profissionais, em suas áreas dos conhecimentos requeridos para o exercício de competências e habilidades específicas. Para tanto, serão aplicadas metodologias ativas voltadas a apropriação e produção do conhecimento, articulada com a pesquisa e iniciação científica, estímulo ao estudo e intervenção nas questões regionais, orientando suas ações por critérios de qualificação do trinômio ensino-pesquisa-extensão, interdisciplinar, observando a flexibilidade orgânico-operativa, tomando como referência essencial a avaliação permanente.

Fundamentado em tais pressupostos, o ensino de Graduação da IES pretende construir uma identidade acadêmica, dentro de padrões de otimização interna de todos os seus segmentos, definindo conceitos e linhas de ação, além na criação de novas práticas. Para tanto, propõe:

⦁   incentivar a produção de conhecimentos próprios e originais, ultrapassando posição de mero ensino;
⦁   conquistar competência científica em termos de domínio e atualização de saberes e de recursos;
⦁   criar um processo de reflexão sobre a intervenção na realidade;
⦁  buscar continuamente a qualidade educativa e científica na qualificação continuada de todos os seus segmentos e processos; e mediar a formação emancipatória e a atitude criativa, ativa, confrontadora, compatível com a intencionalidade de construção de sujeitos históricos e críticos.

Para alcançar tais propósitos, a Faculdade, em sintonia com a política de pesquisa e extensão institucional, atuará permanentemente no processo de aperfeiçoamento continuado de docentes, estimulando o aprimoramento da ação curricular, com base no desenvolvimento de novas metodologias e tecnologias de ensino, realimentadas através de fóruns permanentes, seminários e congressos, além de ações concretas para a efetivação real dessas propostas.

Procurando garantir uma infraestrutura favorável à otimização do desempenho acadêmico, buscará, em ritmo constante e gradativo, a projeção e melhoria de espaços acadêmicos, como laboratórios, salas de aula, bibliotecas, salas especializadas, entre outros, e a qualificação permanente dos serviços disponíveis aos acadêmicos.

⦁Propiciar ao estudante formação intelectual na área de Odontologia, favorecendo sua melhor atuação profissional nos diversos campos da saúde pública, em todos os níveis de atenção à saúde, tanto no âmbito individual quanto coletivo;
⦁Capacitar o estudante para atuar no campo da Odontologia de forma a preservar os valores morais, éticos, cívicos e sociais, com vistas ao aperfeiçoamento da sociedade e a busca do bem-estar social;
⦁Desenvolver a consciência do compromisso social e da cidadania no cumprimento do exercício profissional, assegurando a realização de serviços com alto padrão de qualidade dentro dos princípios da ética e bioética;
⦁Promover o aprimoramento das mais diversas formas de comunicação para que o estudante seja capaz de se comunicar com seu paciente, o público em geral e demais profissionais, de forma responsável, clara e objetiva;
⦁Suscitar o desejo permanente de aperfeiçoamento profissional e cultural, bem como o necessário compromisso e responsabilidade com a própria educação e com a transmissão dos conhecimentos adquiridos visando o bem-estar da coletividade;
⦁Estimular no estudante o desenvolvimento do espírito de liderança que favoreça sua atuação nos mais distintos campos de atividade profissional e, principalmente, nos trabalhos desenvolvidos em equipes de saúde multiprofissional;
⦁Estimular no estudante a formação de um perfil que o possibilite tomar decisões como profissional de saúde com competências e habilidades para avaliar, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências científicas;
⦁Estimular o empreendedorismo e capacitar o estudante para assumir funções administrativas e de gerenciamento em todos os campos da profissão;
⦁Oportunizar o cumprimento do princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão na área de Odontologia;
⦁Incentivar o trabalho de pesquisa e investigação científica, visando o desenvolvimento da ciência e tecnologia, a criação de novos conhecimentos e a difusão da cultura e, desse modo, promover a compreensão do meio em que vive;
⦁Promover a extensão visando a difusão das conquistas e benefícios resultantes da pesquisa científica e tecnológica e da criação cultural gerada na Faculdade.

Aqui na Faculdade Paulo Picanço, você não é apenas um número de matrícula, você tem nome, sobrenome e história de vida. Valorizamos a identidade pessoal de cada estudante, aprimorando o que há de positivo, com o pensamento e ações voltados para a formação do cidadão egresso. Além do privilégio em frequentar uma IES totalmente focada em Odontologia, feita e pensada por especialistas na área e com experiência em ensino, pesquisa e extensão. Proporcionamos a você um atendimento diferenciado através do NAP (Núcleo de Assistência Psicopedagógica), com atendimento individualizado por um psicólogo 40 horas/semanais, que trabalha o auxílio em todas as esferas, inclusive na organização e otimização de seu tempo para o estudo das disciplinas, melhorando o desempenho acadêmico.

Possuímos uma atenção voltada a projetos que visam consolidar a prática através da extensão acadêmica e um carrossel científico resultando em atendimento voltado à população e produção clínica e laboratorial.

Apontada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) como a segunda carreira mais rentável do País, logo atrás de Medicina, a Odontologia moderna vai muito além de tratar os dentes. A profissão expandiu-se muito nos últimos anos e lida também com distúrbios relacionados às estruturas de toda a face, boca e pescoço. No Brasil, há um cirurgião-dentista para cada 769 habitantes, uma das melhores médias do mundo. No entanto, os profissionais são mal distribuídos no território nacional, e apenas a Região Sudeste concentra quase 60% deles. Uma pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) mostra que os profissionais de Odontologia têm uma das melhores remunerações do País, com média nacional de R$ 5.367 mensais. O Guia de Profissões e Salários da Catho mostra que profissionais da área de Odontologia podem receber entre R$ 1.600 e R$ 6.000 por emprego em empresas privadas. Como é comum trabalharem em mais de uma clínica, os ganhos mensais podem ser muito mais altos que os apontados na pesquisa.

No mercado de trabalho, o cirurgião dentista pode atuar como profissional autônomo, em clínicas e consultórios de terceiros, ter sua própria clínica dentária, trabalhar em empresas de equipamentos e materiais de consultório, prestar concurso para órgãos públicos ou seguir o caminho acadêmico. Ele cuida da saúde e da estética bucal, restaura, extrai e limpa dentes, projeta e instala próteses, realiza cirurgias e trata doenças da gengiva, da bochecha e da língua. Independente da escolha, cada possibilidade de atua- ção oferece seus benefícios e desafios. A atuação clínica no serviço privado é a que a maior parte dos profissionais acaba seguindo, seja trabalhando para outro profissional, abrindo seu próprio consultório/clínica, adquirindo uma franquia ou ainda trabalhando em sistema home care e hospitais que inclusive, representam uma grande oportunidade para o cirurgião-dentista. Com a experiência e título de especialista, normalmente o salário ou comissão aumentam. Não adianta ter pressa, pois os resultados vêm aos poucos. Apesar dos desafios, a clínica privada pode proporcionar experiência clínica e gerencial e consequentemente realização financeira, profissional e pessoal. Serviço Público: no serviço público o profissional poderá atuar em unidades militares ou no atendimento à população. A grande vantagem nesse caso é a segurança financeira, já que conta com um salário mensal e benefícios trabalhistas. Na maioria das vezes, é possível também conciliar a jornada de trabalho com uma clínica particular. Em unidades militares, além do expediente normal de trabalho, poderá haver atividades extras em diferentes dias e horários. No Programa Saúde da Família há interação com uma equipe multiprofissional que oferece grande aprendizado e representa uma oportunidade única para o cirurgião-dentista atuar próximo à comunidade, compreendendo suas necessidades não só do ponto de vista da saúde bucal. Ensino e Pesquisa: voltado para as universidades, laboratórios e institutos de pesquisa, a área representa uma boa possibilidade para aqueles que se identificam com a pesquisa e a arte do ensino. Aqueles que se aventuram na área, estarão atualizados sobre as novidades do mercado e novas pesquisas, além de poder desfrutar de um salário mensal, bonificações, incentivos à pesquisa proporcionados pelo governo e benefícios trabalhistas. Empresas: muitos profissionais são contratados para trabalhar na indústria, como por exemplo no desenvolvimento e divulgação de produtos odontológicos, podendo atuar como assistentes comerciais, gestores ou auditores odontológicos. Além dos benefícios e direitos trabalhistas, algumas empresas oferecem bonificação por metas e plano de carreira, podendo atingir cargos elevados na estrutura hierárquicas das mesmas. O profissional pode também trabalhar como consultor científico, podendo inclusive atuar concomitantemente em um consultório privado. Pode atuar nas seguintes especialidades: Acupuntura, Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial, Dentística Restauradora, Disfunção Têmporo Mandibular e Dor Orofacial, Endodontia, Estomatologia, Homeopatia, Implantodontia, Laserterapia, Odontogeriatria, Odontologia do Esporte, Odontologia do Trabalho, Odontologia em Saúde Coletiva, Odontologia Legal, Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais, Odontopediatria, Ortodontia, Ortodontia e Ortopedia Facial, Ortopedia Funcional dos Maxilares, Patologia Bucal, Periodontia, Prótese Bucomaxilofacial, Prótese Dentária, Radiologia Odontológica e Imaginologia.

Matriz Curricular do Curso

Em atendimento ao estabelecido pelas DCNs, os conteúdos essenciais para o Curso de Odontologia estão relacionados com o processo saúde-doença do cidadão, da família e da comunidade, integrados à realidade epidemiológica e profissional, estando distribuídos nas seguintes categorias:

Professores

Corpo Docente

Conheça o nosso quadro de professores, mestre e doutores da Faculdade Paulo Picanço.

LiveZilla Live Chat Software